NOTÍCIAS

Justiça determina que EBE apresente comprovantes de pagamentos

Despacho EBE pagamentos

O juiz titular da Vara do Trabalho de Itaguaí determinou, em despacho no dia 25 de janeiro, que a EBE tem até 10 dias para apresentar os comprovantes de pagamentos, que foram solicitados diretamente pelo Sindicato, sob pena de multa diária a ser arbitrada. (Processo nº 0011650-45.2015.5.01.0461)

Após esse prazo, o Sindimetal-Rio vai apresentar a planilha dos valores ainda devidos, em trinta dias ao juiz.

O Sindicato informou ao juiz que não dispõe dos comprovantes de pagamentos e que por isso que não há como confirmar as informações trazidas pela EBE. Muitos trabalhadores têm questionado, diariamente, a regularização dos pagamentos das parcelas e das multas, inclusive com divergência de depósitos.

Sindicato cobra pagamento

Além de cobrar na justiça, o Sindicato também tem exigido da empresa que apresente este cronograma de pagamentos. Na última semana os trabalhadores estiveram em Paciência para acertar sobre os valores das multas. Mas até agora, a EBE não informou quando realmente terá início os pagamentos.

Por diversas vezes, os trabalhadores e o Sindicato estiveram na porta da MPE cobrando os pagamentos. No final do ano, a empresa se comprometeu perante os seus ex-funcionários a regularizar esses pagamentos, mas até agora nada. Ela sequer enviou alguma listagem ou cronograma para pagar a todos.

Enquanto isso, muitos trabalhadores continuam com grandes dificuldades financeiras, até mesmo para poder ir à empresa. Quem está fora do Estado do Rio também não está sendo atendido pela EBE, piorando ainda mais a situação destes companheiros.

Se a empresa não apresentar nada, não restará outra saída a não ser paralisar novamente a porta da empresa, enfrentando inclusive a polícia que é chamada pela EBE.

EBE: comunicado da empresa e informe dos pagamentos

 

691 total views, 1 views today

Sindimetal-Rio

Sindicato classista e de luta

Fundado em 1º de maio de 1917.

Em 2017, o Sindicato dos Metalúrgicos completará 100 anos e continua sendo o principal instrumento de luta e atuação da categoria no Rio de Janeiro. Tem uma rica história em prol do Brasil, da democracia e em defesa dos trabalhadores.

O Sindicato, consciente do seu papel, segue firme, buscando sempre a valorização do trabalhador e a construção de uma sociedade mais justa e igualitária, a sociedade socialista.

Saiba mais