NOTÍCIAS

Fabrimar-Tigre: falta negociação e sobra desrespeito

fabrimar

Quando a empresa Tigre assumiu o controle da Fabrimar, se esperava que internamente tudo mudasse, que novas práticas fossem implementadas e o ambiente de trabalho melhorasse, com mais respeito aos funcionários que diariamente se dedicam para o bom funcionamento da empresa. 

Entretanto, o tempo passou…passou…passou, e até agora nada. As velhas práticas continuam. Os trabalhadores tinham esperança de mudança, mas a pauta reivindicatória interna não andou em nada. A PLR é a mesma coisa, não avança. Enquanto isso, os gestores agem da forma que bem entendem, sem qualquer respeito aos trabalhadores. Parecem mais atuar como capatazes, falta democracia, diálogo e bom trato. 

Por diversas vezes, o Sindimetal-Rio tentou dialogar, fazer a pauta avançar, mas até hoje nenhuma resposta. A direção da empresa não toma qualquer iniciativa para melhorar esse ambiente interno, que hoje é sufocante. 

O Sindicato chama os trabalhadores para a mobilização, esse clima difícil não contribui em nada para o bom serviço interno. Todos precisam vir para a luta, mostrar o quanto estão insatisfeitos e que esses gerentes que estão aí, tratam os funcionários da pior maneira possível.  

Será com a nossa união e mobilização que vamos dar um basta em tanto desrespeito. Vai chegar a hora de dar um grande não para a empresa e não será por falta de aviso. 

SEJA SÓCIO – Para fortalecer a luta dos metalúrgicos contra os desmandos dos patrões, é preciso ser sócio e fortalecer a luta do Sindicato. Sozinhos não conseguimos nada, mas juntos somos mais fortes. E lembrem-se, não façam o jogo dos patrões, não entreguem a cartinha de oposição. Os chefes não querem um Sindicato forte e atuante ao seu lado!

854 total views, 6 views today

Sindimetal-Rio

Sindicato classista e de luta

Fundado em 1º de maio de 1917.

O Sindicato dos Metalúrgicos do Rio de Janeiro, fundado em 1º de maio de 1917, continua sendo o principal instrumento de luta e de atuação da categoria. Tem uma rica história em prol do Brasil, da democracia e em defesa dos trabalhadores. O Sindicato, consciente do seu papel, segue firme, buscando sempre a valorização do trabalhador e a construção de uma sociedade mais justa e igualitária, a sociedade socialista.

Saiba mais